Mostrando postagens com marcador açúcar. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador açúcar. Mostrar todas as postagens

Domingo

sorvete de cajá

 
Posted by Picasa

Esse sorvete foi feito com a receita do manual de instruções da sorveteira, adaptada para cajás. Deu um certo trabalhinho porque eu tive que colocá-lo na máquina duas vezes até confiar totalmente em que ia virar sorvete.
Usei 2 copos de água e 2 copos de açúcar. Levei ao fogo até ferver. Abaixei a força da chama do fogão e deixei lá mais 3 minutos.
Esperar esfriar totalmente.
acrescentar 1 1/2 copo de polpa do cajá, misturar e levar a sorveteira.
A polpa foi feita com cajás descascados e levados ao processador sem o caroço e depois passado em peneira.
Ficou bem gostoso, porém quem preferir um sorvete menos doce, aconselho diminuir a quantidade do açúcar.

Foi a nossa sobremesa do almoço de dia das Mães!!

Sexta-feira

focaccia

 

 
Posted by Picasa

A fase em que fazia pães foi bem longa, levou um tempo para passar, e foi bem antes deste blog existir, até que um dia comprei uma máquina de fazer pães e como num passe de mágicas, não se sentia mais aquele aroma perfumado de pão assando na minha cozinha.
Na verdade essa bicha imensa que repousa na minha bancada me tirou um pouco o prazer de literalmente colocar as mãos na massa, e hoje em dia, a bicha imensa me serve [e muito] para confeccionar geléias que é uma beleza. Quer dizer, uma máquina de pão, que me serve para geléias!!!
...então, hoje me atrevi a assar pães novamente e me recordei como é delicioso esperá-lo sair do forno e atacar um pedacinho. Na verdade, eu acho delicioso até o cheiro da massa fermentando!!
Ano passado a Revista Gula fez uma edição com uma focaccia maravilhosa na capa, foi a edição 189, e desde ali me acendeu a coceirinha de voltar a fazer uns pãezinhos. Dali a duas edições saiu uma errata consertando a receita que estava meio lélé, e aí está ela, lépida e fagueira, deliciosa e cheirosérrima.
Em uma tigela misturei 500 grs de farinha de trigo + 1 envelope de fermento seco [são 12 grs] + 1 colher de chá de melhorador de pães [por minha conta] + 5 grs de sal + 15 grs de açucar.
Depois de misturado as farinhas acrescenta 2 colheres de sopa de azeite e 280 ml de água morninha [20 segundos de micro]
Usei a pá de gancho para massas pesadas da batedeira e depois finalizei a sova no muque mesmo.
Descansa a massa por 40 minutos [importante!!]
Untei um tabuleiro de uns 30 cm com azeite e ajeitei a massa lá. Fiz uns furinhos com o dedo, pincelei bastante azeite por cima + sal grosso moído + pimenta moída + alecrim.
Assa em forno preaquecido [250 C] por 40 minutos.

Quarta-feira

gelado de framboesa

 
Posted by Picasa

desculpem-me a falta de criatividade, mas o que está bombando por aqui no momento são as belezuras confeccionadas pela minha máquina.
As framboesas foram da estação passada, congeladas no freezer.
Em uma panela fervi dois copos de água e dois de açúcar, assim que abriu fervura, abaixei o chama e deixei mais 4 minutos. Depois de esfriada a calda em um banho maria com pedras de gelo, adicionei um copo cheio das framboesas.Misturei e máquina, por 30 minutos.
;o)

Segunda-feira

petit gateau de doce de leite

Posted by Picasa

é o doce mais fácil que eu já fiz.mas também, o doce mais doce que eu já experimentei nos últimos meses. talvez tenha faltado um sorvete de creme para acompanhar.

200 grs de doce de leite
100 grs de manteiga
2 ovos
2 gemas
1\4 de xícara de açúcar
1\4 de xícara de farinha de trigo peneirada
manteiga para untar
sorvete de creme para acompanhar

Derreta o doce de leite e a manteiga no fogo comum ou no microondas.
Numa tigela, junte o doce de leite, os ovos, as gemas e misture bem, sem bater, com um batedor de mão ou fouet. Acrescente o açúcar e a farinha. Misture até formar uma massa homogênea.
Unte 6 forminhas individuais [*para mim, enchi 8] com manteiga e distribua a massa.
Leve ao forno pré aquecido a 200C e asse por 8 minutos [*no meu forno foram 14 minutos].
Sirva quente com sorvete de creme.

*receita do livro "As doceiras - Carla Pernanbuco e Carolina Brandão. E servido no restaurante Carlota.

Quarta-feira

a outra face da fava...

 

 
Posted by Picasa


a baunilha em fava é uma iguaria deliciosa, cheirosa e bem carinha, porém esse último adjetivo pode ser amenizado pelas utilizações da grã-fina.
depois de raspar suas sementinhas e utilizá-las aonde quer que seja, e só colocar a carcacinha da fava em um pote com açúcar bem tampado e esquecê-lo no armário para ver ele se transformar no tão querido açúcar de baunilha.
a pequena me facina tanto e tanto, que já falei dela aqui e aqui.
;)